Dropshipping na Amazon Herói ou Vilão

Dropshipping na Amazon Herói ou Vilão?

De alguns anos para cá uma nova modalidade de vendas foi ganhando bastante força no mercado digital, o tão famoso Dropshipping.

De fato, por ter ganhado força, ganhou também dúvidas, e algumas eu  recebo com uma certa recorrência.

Afinal, seria uma boa ideia trabalhar com dropshipping dentro da Amazon?

O que é dropshipping na Amazon

Antes de tudo vamos entender o conceito por trás desse tão falado Dropshipping.

Essa categoria ganhou força porque ela é simples e aparentemente pode trazer lucros rapidamente. É praticamente a promessa de lucro certo, mas tem alguns poréns.

Basicamente uma das formas mais comuns de se trabalhar com dropshipping é cadastrar o produto para vender dentro da Amazon e aguardar as vendas.

Assim, não existe nenhum produto na sua mão antes das vendas, só quando elas acontecem é que o fornecedor te envia o produto ou envia para o cliente final.

Isso a princípio é muito promissor, afinal você vende sem risco de prejuízo uma vez que você só compra depois da venda. É praticamente a promessa de lucro certo, mas tem alguns poréns.

Primeiro que não há no mundo do empreendedorismo nada com risco ZERO que promete ganhos enormes, cuidado com isso.
Resultados surpreendentes exigem riscos.

E um segundo “porém”, é que tudo tem o seu lugar para acontecer.
Particularmente eu conheço pessoas que conseguem fazer dinheiro trabalhando com dropshipping.

Então a conversa não é sobre certo ou errado, mas sim sobre prioridades.
Se eu fizesse um casamento, seria adequado aos convidados virem descalços ou de pijama?

Não, mas andar de pijama e descalço na sua própria casa é totalmente válido. O mesmo acontece agora.

Tentar adaptar o modelo de dropshipping ao modelo da Amazon é uma das coisas mais perigosas que você pode fazer.

E olha, eu nem digo que não vai te trazer dinheiro, porque é bem possível que traga, mas por um período curto de tempo, e com isso você não vai conseguir criar um negócio de sucesso e estável.

Lembre-se da qualidade de entrega

dropshipping na amazon

O Game da Amazon está diretamente ligado com a qualidade de entrega dos produtos. A Amazon só virou essa gigante graças a agilidade na entrega e a facilidade de devolução dos produtos.

Certamente, com isso ela foi de pouco em pouco ganhando confiança dos usuários, por isso mesmo essa é uma das partes que a Amazon mais valoriza.

E ela tem uma série de mecanismos para avaliar a conta do Seller através disso, e é justamente aí que o Dropshipping vira o convidado de pijama no meio de um casamento social.

A Amazon valoriza os sellers que tem entrega rápida e reviews positivos, fazendo com que essas contas ganhem destaque no buybox.

Perigos do dropshipping na Amazon

  • No Dropshipping o Seller está sujeito à uma série de atrasos e imprevistos que em modalidades como Private Label ou Online Arbitrage ele não chegaria nem perto, riscos como:
  • O Produto ser extraviado no caminho do destino;
  • O Produto atrasar a entrega;
  • O Fornecedor ter algum problema na produção e não conseguir entregar dentro do prazo;
  • Defeitos ocasionados de transporte e muitos outros.

E basta poucos reviews negativos nesse sentido para uma conta impecável despencar em pouco tempo.

Imagine a dor de um Seller que vendia tudo bonitinho, com entregas em dia, reviews positivos que resolveu se aventurar no Dropshipping e infelizmente tem um desses problemas acima.

Imagine ver todo um trabalho sério que foi construído se perder em poucos dias por algo que era possível ter sido feito de formas mais seguras…

E olha, eu já vi situações assim, infelizmente.

Defensores do Dropshipping na Amazon devem estar nesse exato momento pensando assim: “Ah, mas se a Amazon bloquear minha conta eu vou lá e crio uma nova”.

E não é tão bem assim

A plataforma investe pesado em tecnologia para conseguir criar um ambiente melhor para os Sellers e para os clientes, e com isso está cada vez mais difícil uma mesma pessoa abrir mais de uma conta dentro da Amazon.

Para finalizar eu quero reforçar que não há certo ou errado.
Você que está lendo esse post, fique a vontade de tomar a decisão que acreditar ser melhor, porém fica a minha pergunta:

Você quer ter um negócio de longa duração dentro da maior plataforma de e-commerce do mundo ou apenas algo para 1 ou 2 meses?

Pense nisso e valorize o longo prazo.

Grande Abraço.

Ps.: Deixe seu comentário para eu saber o que você achou, se concorda ou não com essa ideia.

Entre para o nosso grupo #naotemvolta no Telegram

Compartilhe este artigo:
Picture of Fabio Costa

Fabio Costa

Meu nome é Fabio Costa e há mais de 6 anos descobri um lado da Amazon que eu não conhecia: ao invés de apenas comprar eu poderia ganhar dinheiro desenvolvendo meu próprio negócio como parceiro oficial da Amazon, morando em qualquer lugar do mundo.

Com a experiência de mais de 19 anos trabalhando com ecommerce e vendas online, eu já sabia a força do mercado online mundial, agora essa força unida com o poder da marca Amazon, muda tudo.

Decidi entrar de cabeça nessa oportunidade. O negócio é tão grande, que mesmo que eu tivesse todo o dinheiro do Mundo eu não conseguiria fazer sozinho. Então decidi compartilhar as minhas técnicas e estratégias com mais brasileiros, como eu gosto de dizer “olhe a árvore pelos frutos”. E falando de frutos, você pode visualizar no meu Instagram e Youtube resultados de pessoas em mais de 20 países com faturamentos entre $1 mil a $115 mil dólares com as estratégias do meu método o AMZ Hunter.

0 a 1000 - O Guia Definitivo para faturar seus primeiros mil dólares na Amazon

Você vai entender como funciona dar os primeiros passos para se tornar um parceiro oficial da Amazon e lucrar os seus primeiros mil dólares.